Advogado renuncia cargo de direção na OAB por causa do apoio ao impeachment

Advogado José Renato de Oliveira no TRE-MT/Divulgação.

O advogado José Renato de Oliveira renunciou aos cargos de vice-presidente da Comissão de Direito Eleitoral da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT) e conselheiro da Escola Superior da Advocacia. Alega que a instituição apoiou o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), que deve ser afastada do cargo até o fim do dia através de decisão do Senado.

“Minha posição é frontalmente contrária àquela que a OAB, por seu Conselho Federal e Seccional de Mato Grosso, tem adotado quanto ao impedimento da Presidente Dilma Rousseff e à consequente validação de um processo político que considero perverso, antidemocrático e desumano”, afirma o advogado em trecho do ofício protocolado na manhã dessa quarta-feira (11) na OAB de Mato Grosso.

José Renato faz questão de frisar, em entrevista ao site Fato & Notícia, que a decisão não tem a ver com a relação pessoal com o presidente da seccional da Ordem no Estado, Leonardo Campos. “O apoio institucional da OAB representa uma ruptura com a Constituição Federal e fere princípios de direito eleitoral, no qual leciono há mais de 10 anos. É uma violação absurda e a qual não posso compactuar”, completa.

Leonrado Campos já respondeu ao ofício de José Renato e disse respeitar a decisão do colega advogado.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA