Deputados articulam quinta proposta para RGA

0
359
Foto: Marcos Lopes/ALMT

Deputados articulam a elaboração de uma nova proposta para pagamento da Revisão Geral Anual (RGA). As tratativas começaram nas últimas horas diante do impasse para aprovação do projeto anunciado pelo governo na tentativa de encerrar a greve que se arrasta há mais de 20 dias.

A base aliada ao governador Pedro Taques (PSDB), liderada por Wilson Santos (mesmo partido), sugeriu reduzir o percentual de 5,28% que ficaria para ser pago apenas no caso de economia com gasto de pessoal abaixo de 49% da receita pública. Os índices não foram divulgados. Pelo menos 6% já estão garantidos pelo Executivo em três parcelas.

Parlamentares governistas estão reunidos nesse momento na presidência da Assembleia, enquanto outros buscam aval do Palácio Paiaguás para formalizar nova proposta. Se acatada, será a quinta sugestão de projeto. Para valer, tem que ser aprovada em plenário para se tornar lei.

A última proposta anunciada por Taques nem chegou ao plenário. Ela prevê parcelamento de 6% em três vezes (setembro, janeiro e abril de 2017) e o pagamento do restante (5,28%) ocorrerá se houver economia de gasto com pessoal abaixo de 49% da receita, sendo 2,64% a serem pagos em maio de 2017 e 2,64% em setembro de 2017 se registrada economia no primeiro e no segundo quadrimestre. Por lei, deveriam ser pagos 11,28% na folha passada de maio.

Diante dos rumores de que essa proposta seria votada, servidores decidiram protestar durante a sessão dessa terça-feira (21).

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA