mais
    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img
    HomePolíticaIsrael afirma que está em 'uma nova fase' de preparação para 'guerra'...

    Israel afirma que está em ‘uma nova fase’ de preparação para ‘guerra’ na fronteira com Líbano – Mundo – CartaCapital

    PUBLICAÇÃO

    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img
    spot_imgspot_img
    - Publicidade -



    O Exército israelense disse neste domingo (7) que concluiu uma “nova fase” de preparação para o caso de uma “guerra” na fronteira com o Líbano, onde os confrontos com o Hezbollah estão se intensificando.

    Em uma declaração intitulada “Preparando-se para a transição da defesa para o ataque”, o Exército disse que “concluiu nos últimos dias uma nova fase na preparação do comando do norte para a guerra”.

    De acordo com o Exército, esse plano “permite a mobilização imediata das forças de reserva em caso de emergência e seu deslocamento para a linha de frente em um curto espaço de tempo com todo o equipamento necessário para o combate”.

    Desde o início da guerra de Gaza entre Israel e o movimento islamista palestino Hamas, em 7 de outubro, o Exército israelense e o movimento libanês Hezbollah têm se envolvido em disputas ao longo da fronteira.

    O Hezbollah, aliado do Hamas e ligado ao Irã, ataca posições militares perto da fronteira libanesa e Israel responde com bombardeios que atingem cada vez mais alvos no território libanês, cada vez mais longe da fronteira.

    Pelo menos 359 pessoas foram mortas no Líbano, em sua maioria combatentes do Hezbollah, mas também 70 civis, na violência dos últimos seis meses na região, de acordo com um relatório da AFP.

    No norte de Israel, 10 soldados e oito civis foram mortos, de acordo com o Exército israelense.

    O ministro da Defesa de Israel, Yoav Gallant, disse neste domingo que o Exército havia “concluído seus preparativos para responder a qualquer cenário que possa ocorrer em relação ao Irã”.

    O líder do Hezbollah, Hasan Nasrallah, disse na sexta-feira que considera “inevitável” que o Irã reaja depois que o bombardeio de seu consulado na Síria, na segunda-feira, que foi atribuído a Israel, matou sete guardas revolucionários, dois deles generais.

    De acordo com Nasrallah, o ataque ao consulado é “um ponto de virada” na guerra em Gaza.



    Informações Carta Capital

    MAIS RECENTES

    Líderes do Senado jogam desfecho sobre desoneração de municípios para junho

    Os líderes do Senado definiram nesta quinta-feira (23), em reunião com o presidente...

    O que está em jogo em uma eventual filiação de Tarcísio ao PL

    A possível ida do governador de São Paulo, Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos),...

    Por falta de câmera corporal em policial, STJ absolve acusado em São Paulo – Justiça – CartaCapital

    A 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça declarou a nulidade das provas...

    Mais Notícias

    Líderes do Senado jogam desfecho sobre desoneração de municípios para junho

    Os líderes do Senado definiram nesta quinta-feira (23), em reunião com o presidente...

    O que está em jogo em uma eventual filiação de Tarcísio ao PL

    A possível ida do governador de São Paulo, Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos),...

    Por falta de câmera corporal em policial, STJ absolve acusado em São Paulo – Justiça – CartaCapital

    A 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça declarou a nulidade das provas...